Audiência

“É de Casa” fica na liderança isolada pela primeira vez com cobertura dos ataques em Paris

Na manhã deste sábado, dia 14 de novembro, teve mais uma edição do programa matinal “É de Casa”, na Globo. Especial porque cobriu a tragédia em Paris. Com este drama, a atração da emissora carioca liderou pela primeira vez, desbancando o SBT, que exibe desenhos e séries que costumam garantir o primeiro lugar no horário.

O programa conseguiu ter média de 6,6 pontos, chegando a pico de 8,4 pontos na Grande São Paulo. No confronto direto, o canal de Silvio Santos fechou na vice liderança, com uma média de 5,5 pontos, e a Rede Record, que apostou também na cobertura dos ataques na capital francesa e em esportes, ficou em terceiro lugar, registrando 4,4 pontos de média.

Vale dizer que a TV Globo dedicou quase todo o tempo do “É de Casa” para a cobertura especial dos ataques terroristas em pontos populares de Paris cometidos pelo Estado Islâmico. Os apresentadores frequentemente contavam com a participação de Sandra Annenberg que, desde cedo, mostrava detalhes do caso que chocou todo o mundo.

(Foto: Internet)
(Foto: Internet)