Celebridades

Demitida da TV Brasil, Leda Nagle lamenta a falta de caráter da emissora

A jornalista Leda Nagle, que comanda o programa “Cem Censura”, da TV Brasil foi demitida pelo canal. A informação foi vazada na noite de quarta-feira, dia em que a mesma foi avisada da sua demissão. No entanto, a própria jornalista decidiu dar a sua versão dos fatos, reforçando a sua tristeza pessoal e perplexidade diante da falta de caráter do presidente da EBC, que é um órgão federal, que sustenta a emissora.

Leda revela que quando o seu contrato venceu, no início de novembro, a mesma procurou a direção do canal, a fim de saber se o mesmo seria renovado. Ela revela que a resposta obtida foi categórica: Sim. Com passar dos dias, ela soube que o jurídico estava finalizando o documento. No entanto, para sua surpresa, ontem ela foi chamada por Laerte Rímoli para uma reunião, onde foi informada de que a emissora não teria dinheiro para mantê-la.

Diante disso, a mesma foi informada de que teria seu contrato prolongado até 5 de janeiro, garantindo que em março ela poderia propor alguma coisa e aí poderia voltar ao canal. Lega garantiu que foi demitida. A emissora disse que Leda não foi demitida e que houve a ideia de uma revisão no seu contrato, garantindo assim que a partir do ano que vem a mesma possa voltar ao comando do programa.

Leda Nagle alega ter sido demitida; Emissora nega (Foto: Reprodução/Internet)

Veja também:

 

Curtidas

Você também pode gostar