Noticia, Novelas, Segundo Sol

Delfina terá final triste e sombrio em Tempo de Amar

Tempo de Amar está prestes a se despedir e os desfechos já estão sendo definidos. Para os vilões, o autor Alcides Nogueira reserva vários castigos para que eles possam pagar pelo que fizeram durante os quase 150 capítulos de novela. Delfina (Letícia Sabatella) não sairá ilesa. Após dar um golpe em José Augusto (Tony Ramos), a vilã cairá por si só e irá a falência.

No penúltimo capítulo, ela será pressionada por não estar conseguindo produzir em seu estabelecimento, chegando a ser humilhada por um produtor, que dirá que ela não é capaz de gerar lucros. Sozinha e pobre, Delfina terá que penhorar sua casa para poder saldar suas dívidas com o banco e passará a usar roupas ainda mais sombrias em um final completamente triste e solitário.

Fernão e Lucinda fogem

Lucinda (Andreia Horta) e Fernão (Jayme Matarazzo) verão seus planos de dar um golpe em Emília (Françoise Fourton) irem por água a baixo. Inácio (Bruno Cabrerizo) chegará no momento em que a milionária está prestes a assinar a venda de sua casa e impedirá o ato, dando uma surra em Fernão. Diante de toda a violência, Emília passara mal e, enquanto o músico a socorre, a dupla de vilões aproveita para fugir, antes que a polícia chegue.

Os dois embarcam em um navio clandestino em péssimas condições e Lucinda fica contrariada. “Eu já informei-me, Lucinda. Há uma partida próxima para Amsterdã. De lá, podemos seguir para Paris assim que desembarcarem toda a carga”, diz o médico. “Carga? Você não está achando que eu vou viajar em um navio cargueiro, está?”, questiona a vilã. “Minha rainha… O rato roeu o nosso sonho. É melhor partirmos logo, antes que a polícia apareça e tenhamos que fugir pelo mar a braçadas”, garante ele. “Está certo. Sempre há uma primeira vez para tudo”, concorda ela.

Veja também:

“Dei uma gorjeta para um marinheiro que vai colocar-nos dentro do navio clandestinamente”, conta Fernão. “Isso não pode ser perigoso, Fernão?”, indaga Lucinda, receosa. “Sim… Se ainda não te deste conta, Lucinda, é disso que tu gostas. Do risco. Do perigo iminente. Por isso vieste até aqui, e desse ponto não há mais como voltar”, responde o vilão. Os dois embarcam e se despendem do Brasil. “Queres fazer alguma saudação ao teu país antes de partirmos?”, pergunta ele. “Até nunca mais, terra de ingratos!”, diz ela.

“Estamos há tanto tempo nesse maldito navio. Nesse calor infernal. Tendo que surrupiar comida e água. Sempre escondidos. Se fosse para viver esse calvário, preferia ter ficado em São Vital”, reclama Lucinda. “Nós seríamos presos. Duvidas?”, argumenta Fernão. “Já sinto-me presa aqui. Será esse inferno até o final da viagem?”, reclama a vilã. “Quando chegarmos a Amsterdã, será o paraíso”, afirma o ex de Maria Vitória (Vitória Strada).

“Duvido. Vamos viver de quê, lá?”, questiona a megera. “A aplicar golpes, Lucinda. Somos bons nisso! A dupla perfeita”, dispara o médico. A sequência irá ao ar no penúltimo capítulo da novela e será finalizada no último capítulo, exibido no dia 19 de março, conforme informa o site Notícias da TV.

Delfina terminará Tempo de Amar sozinha (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar