Celebridades

Deborah Secco revela que a polícia parou de investigar quem ameaçou sua filha de morte

Que a Justiça no Brasil ainda é um tanto falha para alguns, não chega a ser uma novidade. No entanto, chama atenção de que ela não tem funcionado para ninguém, nem mesmo para as celebridades, como é o caso da atriz Deborah Secco, que em declaração concedida ao jornalista Leo Dias, garantiu que a polícia deixou de investigar os ataques que  sua filha sofreu há alguns meses.

Deborah disse que estava mantendo contato com o delegado que cuidava do caso, e que a mesma fez tudo da forma certa, entregando os dados de quem praticou o crime, mas ainda assim a polícia não investiga: “A polícia é muito difícil. Fui até a delegacia, dei parte, peguei os contatos dos responsáveis do Instagram e do Facebook, passei pro delegado responsável… Eu fiquei ligando diariamente pro delegado até o determinado dia em que ele foi promovido e entrou um outro delegado que eu não conhecia. O caso parou”, disse a atriz.

Veja também:

Deborah ainda fez um apelo para que a polícia pudesse investigar quem  cometeu esse crime, já que tratam-se de pessoas que escreve coisas horríveis nas redes sociais:  “Estou fazendo um apelo. Se alguém da polícia souber como me ajudar, por favor. Estamos falando de uma pessoa muito cruel, que escreve coisas horríveis, não só sobre mim, mas sobre a minha filha. Quem puder me ajudar, eu super aceito”.

Deborah Secco garante que a polícia parou de investigar ameaças sofridas (Foto: Reprodução/Internet)

Você também pode gostar