Programas

“Conversa com Bial” praticamente não terá humor

Dia primeiro de maio, o telespectador brasileiro conhecerá o programa que deve encerrar a programação da Globo nos próximos anos, o “Conversa com Bial”, talk show, chega com a missão de substituir o extinto “Programa do Jô”. No entanto, o que tem chamado atenção é a ousadia e pioneirismo da Globo, que resolveu fugir do que é encontrado em “The Noite” e “Programa do Porchat”.

Segundo informações do colunista Ricardo Feltrin, o “Conversa com Bial” deve ter humor praticamente zero. Isso acontece porque até aqui a emissora não pensou em nada relacionado ao assunto. Se houve humor, esse partirá durante a conversa com o convidado, mas nunca será induzido de alguma forma dentro do programa, que está bem alinhado ao jornalismo.

Veja também:

Em termos de comparação o “Conversa com Bial” está alinhado ao “Mariana Godoy Entrevista”, na RedeTV. Políticos, religiosos, celebridades em geral deverão estar no programa, sempre em torno de um debate interessante. Com 60 pessoas na sua produção, o “Conversa com Bial” chega para ser um reforço ao jornalismo da Globo, já que além de contar com equipes na rua, a atração está autorizada a buscar furos de reportagens. Será um programa que virá na contramão do que se tem de mais visível na TV aberta.

“Conversa com Bial” será sério (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar