Curiosidades

Confira as quatro maiores gafes da TV já em 2016

O ano de 2016 mal começou e gafes incríveis já ocorreram: Cidadão bêbado, erro grotesco de matemática, um estado brasileiro, novo, foi criado e uma âncora decidiu ‘ajeitar sua beleza’, em um jornal ao vivo, em plena madrugada. Confira:
1: “Mato Grosso do Norte”  
Analice Nicolau é uma jornalista que está desde 2005 na bancada jornalística do SBT. Neste ano, ela está apresentando boletins e fazendo previsões do tempo nos principais telejornais da emissora.
Na edição do dia 2 de janeiro do principal telejornal da emissora, o “SBT Brasil”, a jornalista fazia tranquilamente sua previsão do tempo, até o momento em que foi informar o clima no estado do Mato Grosso. Ela ‘decidiu’ dar um novo nome para o estado: Mato Grosso do Norte. A fala teve grande repercussão nas redes sociais, por parte dos internautas.

2: Um bêbado na primeira entrada ao vivo! 

 O “Café com Jornal” é um telejornal matinal, exibido diariamente pela Bandeirantes. Para mostrar o clima nas praias por conta do Réveillon, o telejornal entrou ao vivo do litoral de SP. E realmente, o clima estava ótimo para um homem bêbado, que entrou no link e estava todo felizão pela chegada do novo ano. Um momento constrangedor, e que gerou vários memes na Web.

3: A prova de que jornalistas não são bons em matemática 

Na Band News, comentando o sorteio da Mega da Virada, que pagaria 280 milhões de reais, Fabiana Panachão – que já passou pela Record, e pela Record News – falou que “como o Brasil tem 200 milhões de habitantes, se dessem um milhão para cada um, todo mundo ficava feliz e ainda sobrava 80 milhões”. O que gerou mais memes, foi que a jornalista que participava com ela, Isabela Tacaki, concordou com o que foi dito.

4: A olhada no espelho mais vista da madrugada

Veja também:

Na madrugada de domingo para segunda (4), o Band News exibia como de costume, a sua programação, quando houve um problema técnico: a transmissão voltou ao estúdio e acabou pegando Isabela Tacaki dando uma conferida em seu visual, utilizando um espelhinho na bancada, enquanto não retornava ao ar.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)