Emissoras, Noticia, SBT

Com grade decadente, SBT não herda público perdido pela RecordTV

Nos últimos tempos, considerando a média 24 horas, já se sabe que o SBT ocupa a vice-liderança, vencendo a RecordTV, que perdeu bastante público. No entanto, na analise do colunista Flávio Ricco, chama bastante atenção o fato de que o SBT não conseguiu ter a capacidade de atrair o público que deixou a emissora dos bispos. Para se ter uma ideia, a novela Carinha de Anjo sempre esteve na casa dos 10 pontos.

Com a estreia de Apocalipse, a novela se manteve no mesmo patamar. O que aconteceu foi o simples fato de que o público abandonou a novela bíblica, que, por sua vez, tem dificuldades de alcançar sete pontos, mas quando observa a situação, logo percebe-se que os índices do canal de Sílvio Santos não teve aumento nos seus índices, o que pode dizer que esse público rejeita tanto a RecordTV quanto o SBT.

SBT quase quebrou em 2017

No final do ano passado muito se falou em relação a grande crise que atingiu em cheio o SBT, que teve que optar para um corte de centenas de funcionários, o que repercutiu bastante. Embora pouca gente saiba, no fim de 2017, em algum momento da festa do SBT, Sílvio Santos teve uma conversa com os funcionários para falar sobre todo aquele clima de incerteza que pairava sobre cada um, que poderia perder seus empregos.

Veja também:

O empresário/apresentador garantiu que os últimos dois anos foram muito ruins para o SBT, fazendo referência a 2016 e ao então corrente ano de 2017, que já estava em seus últimos dias. Sílvio chegou a confidenciar aos presentes que foi necessário que ele colocasse dinheiro do seu bolso na emissora, para que as contas fechassem no verde, evitando que o canal quebrasse. Para 2018, o foco do SBT é reequilibrar as contas, podendo montar uma grade ainda mais competitiva.

O SBT não consegue visgar um novo público (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar