Bomba! Celso Russomanno é condenado a dois anos de prisão

Por decisão da Justiça Federal, o deputado federal e apresentador Celso Russomanno foi condenado a dois anos e dois meses de prisão. A causa da condenação foi porque entre os anos de 1997 e 2001, ele nomeou a gerente de sua produtora de vídeo, como funcionária de seu gabinete.

Porém a pena foi convertida em penas alternativas. Sandra de Jesus na época recebia um salário como assessora da Câmara de Deputados, mas ela trabalhava de fato na empresa de Celso. Segundo Russomanno, ele não cometeu nenhuma ilegalidade, pois Sandra atendia consumidores em seu gabinete, que funcionava no mesmo endereço que a da sua produtora, a Night and Day Promoções.

“Mesmo a atividade de atendimento ao consumidor, conquanto tenha alto grau social e de benefício à população, não pode ser reputada atividade parlamentar típica e exclusiva. Trata-se de um misto de atividade parlamentar, jornalística e empresarial”, afirmou a sentença. O deputado devolveu cerca de 700 mil de verba de gabinete durante o seu mandato entre 2001 e 2009. A pena dele foi convertida em 790 horas de trabalhos comunitários, e um pagamento de 25 cestas básicas.

Atualmente ele apresenta o quadro, ‘Patrulha do Consumidor’ no programa matinal da Rede Rcord, “Hoje em Dia”, e é pré candidato a prefeito da cidade de São Paulo.

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
Curtidas
Bruno Silva
Estudante de jornalismo e presidente do site Famosos na Web, atuo nessa área desde 2013, trazer informações para os internautas é o que mais gosto de fazer. Email: [email protected] Telefone: 83 98637-7640