Celebridades

Blackface de Patricia Abravanel no “Teleton” é motivo de críticas nas redes sociais

Apesar de o “Teleton” ter sido um sucesso, batendo recorde de arrecadações, assim que Patricia Abravanel, filha de Silvio Santos, se apresentou foi acusada de promover o racismo com uma pratica não muito aceita pela sociedade, o blackface.

A apresentadora exibiu trechos do programa “Máquina da Fama”, interpretando Whoopi Goldberg, no filme “Mudança de Hábito”, Patricia pintou o rosto, e a prática é conhecida como blackface, condenada pelos movimentos de igualdade racial.

Choveu críticas nas redes sociais, o que deixou bem claro um lado negativo no finalzinho do show, “Gente blackface no teleton… desconfortavel”,  “Como assim estão fazendo blackface no sbt como se fosse a coisa mais normal do mundo? SOCORRO”, “Qual a necessidade dessa blackface no #Teleton?” foram alguns comentários dos internautas.

Só para entender, segundo o escritor Djalma Ribeiro, o blackface “serve tanto como estereótipo racista quanto como forma de exclusão, porque se no primeiro caso ridiculariza, no segundo nega papéis a artistas negros”, deixando bem claro o objetivo deste ato.

RTEmagicC_patricia_abravanel_negra_txdam287883_d7c6ba.jpg