Noticia, Novelas

Belíssima, reprisada no ‘Vale a Pena Ver de Novo’, pode levar multa milionária

Nesta quinta-feira (22), o Ministério Público Federal (MPF), a partir de uma petição da Procuradoria da República em Minas Gerais, ajuizou o processo em que a Rede Globo seja multada pela reprise da novela Belíssima, atualmente exibida no ‘Vale a Pena Ver de Novo’.

A petição, que foi protocolada pelo procurador Fernando de Almeida Martins, aponta que a emissora deve pagar R$ 14,8 milhões de multa pela exibição da trama de Silvio de Abreu em horário inadequado. Além disso, também foi requisitado que a reexibição da novela seja proibida o quanto antes, com multa de R$ 30 mil por dia em caso de descumprimento da sentença, se caso ela seja aceita pela Justiça.

O procurador baseia seus argumentos na Classificação Indicativa de Belíssima que é “não recomendada para menores de 12 anos”. Segundo a classificação, ela não pode ser exibida antes das 20h. No entanto, no fim de 2016, o STF (Supremo Tribunal Federal) suspendeu a Classificação Indicativa e as TVs podem exibir qualquer programa de classificações diversas em qualquer horário, tomando cuidado com o bom senso.

Veja também:

Para o promotor, a reprise “ofende diretamente os interesses e direitos do público infanto-juvenil brasileiro, razão pela qual tal conduta deve ser veementemente combatida”. Por enquanto, a Globo não se pronunciou sobre o caso, já que não comenta processos jurídicos.

Belíssima terminará sua reprise no inicio do próximo ano (Foto: reprodução)

Você também pode gostar