BBB, Globo, Noticia

BBB18: Gleici afirma que não ficará surpresa caso seja votada pela Família Lima

Depois da formação do último paredão, que ocorreu na noite de ontem, 25 de março, o Líder Breno foi sorteado na urna e assim ele poderia escolher qualquer um dos confinados para saber qual foi o seu voto no confessionário.

O escolhido foi Kaysar, que conou que havia votado em Gleici. Ao ouvir, Gleici logo mostrou estar bastante chateada com a decisão do sírio. Momentos depois, em uma conversa com Ayrton, ela resolveu desabafar. “Não estou mais nem chateada. Nem se vocês votassem em mim, eu ficaria surpreendida”, disse a acriana.

Surpreso, Ayrton declara: “Como?”. E Gleici se explicou, afirmando que não seria surpresa alguma se acabasse sendo votada por pessoas que lhe são próximas, visto que isso já havia acontecido em outros momentos.

Ela completou dizendo “Na real, só quero sair daqui em paz. Óbvio, quero ganhar o prêmio, mas só quero ficar tranquila também aqui dentro”. Quer ficar por dentro de tudo o que acontece na casa mais vigiada do Brasil? Acompanhe diariamente o site Famosos na Web.

Gleici fica emocionada ao falar como é sua vida fora do jogo

Na madrugada de hoje, 26 de março, Gleici ficou bastante emocionada em meio a uma conversa com Ayrton, onde a sister contou como era a sua vida fora do reality. “Tudo o que eu aprendi na minha vida de valores foi na igreja, dentro da igreja. Por isso que muita gente fala da igreja, que não sei o quê, mas, no meu caso, a igreja foi fundamental”, afirmou.

Veja também:

A acriana revelou já ter passado muita necessidade, até mesmo fome, pois sua família não possuía boas condições financeiras. “Aprendi muita coisa na igreja, aprendi a ser grata. Hoje mesmo tirei a rã ali no Tá Com Nada, aí eu fiz uma cara assim. Mas, nossa, agradeci a Deus que a gente tem um alimento, que a gente tem feijão com arroz, que a gente tem rã, tem goiabada. A gente tem só que agradecer, porque, às vezes, eu não tinha nem isso em casa. Tipo, não tinha”, contou.

Surpreso, o patriarca da família Lima questionou: “Nem arroz e feijão?”. Emocionada, a morena explicou que gostava da escola, pois, além de gostar de estudar, ela se sentia segura lá. “A gente não tinha, às vezes. A gente comia na escola. É por isso que eu gostava da escola também. Sempre gostei de estudar, de estar na escola, porque era o momento onde a gente se sentia seguro.”

E finalizou dizendo: Eu me sentia segura na escola, porque tinha o lanche e tal. Mas quando os meus amigos perguntavam se eu tava com fome eu falava que não. Perguntavam: ‘Almoçou o quê?’. E eu inventava que tinha comido alguma coisa em casa. Mas eu nunca reclamei. Eu não lembro de um dia eu ter reclamado da vida”.

Gleici (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar