BBB

“BBB17”: Marcos alfineta brothers que votaram em seu affair

Na noite do último domingo, 12 de março, foi formado o sétimo paredão da décima sétima edição do “Big Brother Brasil”, o paredão é triplo e integrado por Roberta, indicação do líder Marcos, Ieda, a mais votada da casa, e Emilly, a segunda mais votada da noite.

Depois que a berlinda foi formada, a casa mais vigiada do Brasil ficou a todo vapor. Na noite de hoje, 14 de março, umas das sisters será eliminada. A formação do paredão passou, mas os brothers não pararam de comentar, após a votação, Roberta foi perguntar a Marcos o porque dele ter votado nela, ontem alguns brothers disseram que Emilly manipulava o líder perfeitamente.

E hoje, o cirurgião estava no quarto preto, também falando do Paredão com Emilly, quando ressaltou sua vontade de desafiar os colegas de confiamento, devido a panelinha feita para votar na gaúcha. “Eu achei a maior covardia. Eu ia desafiar pessoas a votarem nela, mas a Emilly não ia entender. Se você tem coragem de indicar, vai lá testar o queixo junto com ela. Por que Emilly era uma bandida e agora não é mais? Eu queria ver a desculpa que arranjaram dentro do confessionário, na hora da voto, para votar em outra pessoa”, falou Marcos.

Marcos já havia comentado a ida de Roberta e Ieda para o paredão

Veja também:

Marcos e Emilly estavam se exercitando na academia, quando eles acabam comentando o jogo. “A Ieda falou que quer que eu fique. Eu prefiro que ela fique também”, afirmou a gaúcha. Marcos então diz: “Ela e Roberta fizeram acordos superficiais: ‘Vamos nos salvar esta semana. Na outra, cada um por si’.

Emilly então comenta: “Acho que a Roberta se aproximou da Ieda e achou que estava num grupo, que eles não iam largar ela”. O que fez com que o cirurgião afirmasse: “Por isso que as duas não votaram em você. Sabiam que iam contigo e tentaram ir com pessoas mais fracas, E o que aconteceu? Foram as duas para o Paredão em quem elas já votaram duas vezes”.

Marcos “BBB17” (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar