BBB

“BBB17”: Irmã de Mayara sai em defesa dela após polêmica

Atualmente uma polêmica no “BBB 17” está dividindo as opiniões nas redes sociais, isso porque a participante Mayara teria supostamente cometido um ataque racista contra Gabriela Flor. Tudo aconteceu durante uma conversa da primeira líder da edição, onde ela em determinado momento menosprezou o cabelo crespo da colega de confinamento.

“Eu vou votar nela e se ela falar alguma coisa pra mim, vai ouvir que precisa alisar o cabelo crespo” disparou Mayara. O comentário gerou indignação na web e várias críticas, além disso em poucas horas o assunto foi parar entre os mais comentados.

A irmã de Mayara, Bruna Motti, disse em entrevista ao Purepeople que a irmã não havia dito a polêmica frase. “Ela está sendo criticada por boato de rede social. Estão falando que ela disse, mas até agora, nem mesmo os haters divulgaram o vídeo com as palavras saindo da boca dela. A Gabriela entrou de mau humor na casa ontem, todos comentaram, inclusive o Rede BBB que foi ao ar hoje a tarde”, falou.

Veja também:

De acordo com ela, foi criada uma má primeira impressão por Gabriela na irmã. “Minha irmã, que estava super feliz com a entrada no programa, foi cumprimentá-la e ela não deu bola. Acho que já começou daí. Independente de raça ou crença, mesmo que a Gabriela tivesse motivos, ela não tentou e não quis ser agradável com ela ontem”, avaliou a irmã da líder.

Bruna diz que a irmã não é racista, como muitas pessoas estavam dizendo na web. “A Mayara tem amigos de todo o tipo, inclusive, nós frequentamos a Bahia desde os 3 anos de idade, temos vários amigos baianos e somos apaixonadas com todo mundo. Ela tem amigos de todos as raças e crenças, e inclusive já teve relacionamentos. Acho que o que aconteceu com a Gabriela foi uma coisa de um dia, lá tudo fica exagerado”, avalia a mineira, completando: “Isso está rolando agora, mas amanhã elas podem conversar e se dar bem. A gente não sabe o que pode acontecer, foi uma primeira impressão. E como ela pegou a liderança, tem que avaliar as pessoas pra ver em quem votar. Normal, faz parte do jogo.

Você também pode gostar