BBB

BBB16: Boneco negro para lavar louças faz Globo ser acusada de racismo

O “Big Brother Brasil 16” já começou gerando uma grande polêmica nas redes sociais. A produção do programa realizou uma grande reforma em toda a casa. Na cozinha não foi diferente, a reforma foi por completo e em meio às novidades pôde ser visto um utensílio no qual está sendo considerado racista por boa parte do público internauta.

O fato é que já um boneco-esponja que é um negro de black power, no estilo de vestimentas dos anos 1970. Tal objeto está lá para ser usado como limpador de pratos, o que indica mais ainda estereótipo historicamente pejorativo sobre os cabelos crespos.

A empresa britânica Paladone, em 2012, lançou esse boneco que sempre foi considerado racista. No Reino Unido, tal objeto foi protagonista de uma enorme polêmica. O reality “Big Brother Brasil” deste ano tem dois participantes negros. Adélia, advogada de 36 anos, e Ronan, que tem 29. A Globo ainda não se posicionou sobre a acusação.

"Boneco-esponja negro" na casa do "BBB16" causa polêmica na Internet
“Boneco-esponja negro” na casa do “BBB16” causa polêmica na Internet