Celebridades

Cézar Lima, do “BBB15”, fala em falta de apoio da Globo aos “Ex-BBBs”

O campeão do “BBB15”, Cézar Lima continuou firmemente durante 11 anos a mesma rotina incessanteede de inscrições para conseguir ser selecionado para o reality show de confinamento da Rede Globo. Cézar já estava tão acostumado que estava a se inscrever para o programa, que neste ano ele estranhou ficar de fora do competitivo processo seletivo.

“Além de ser estranho, na mente acabamos vivendo todo esse ritual novamente porque quando terminam as inscrições já estão abertas as próximas. Nas inscrições anteriores, eu tinha a sensação de renovar as expectativas e ir atrás do meu sonho. Tem a etapa da seleção regional, enviar fotos, preencher questionário, ficar esperando a seletiva no Estado e, dando certo, já focar as energias para a seletiva nacional”, afirmou ele.

Cézar afirmou ainda que, concluído seu contrato com a Rede Globo, ele está pronto para investir em um programa popularesco para a TV, no qual ele mesmo formatou. “É um programa jornalístico, mas ao mesmo tempo descontraído, que visa trazer a realidade do povo paranaense para a televisão. Em uma das pautas, eu vou a uma periferia de Curitiba e faço o contraste com o que diz a Constituição – será que é possível para uma família viver com um salário mínimo e ter o necessário para saúde, moradia, educação, transporte, vestuário…?”, explica o ex-BBB.

Cézar destacou ainda que: “O objetivo é responder as seguintes questões: O que vai mudar na vida do telespectador e do personagem do programa? O que o programa vai trazer como reflexão na sociedade? Pode ser um ensinamento sobre a cultura da nossa legislação”, ressaltou.

Veja também:

Cézar falou ainda sobre Geraldo Luís, que comanda o dominical “Domingo Show”, na emissora do Bispo: “Ele é um contador de histórias e é isso que eu pretendo ser. Eu venci o ‘BBB’ contando a minha história e agora quero ter a oportunidade de contar as histórias dos outros”, diz ele.

Cézar foi em programas da Rede Globo, como o “Encontro”, “Vídeo Show” e “Altas Horas”, mas afirma que o apoio da emissora carioca à ex-BBBs já foi melhor nas primeiras edições do reality: “Pela leitura que eu faço, houve muito deslumbramento nas edições anteriores. As pessoas meio que acabaram inflando a autoestima e se comparando a grandes atores da casa, querendo tratamentos privilegiados. Isso acabou criando constrangimentos. A partir do momento que há um mau exemplo, isso se reverbera em todos que participam da mesma cultura, no caso dos outros Ex-BBBs. Diferente de um ‘The Voice’, o ‘BBB’ não revela novos talentos. O programa não é um caça-talentos. É um reality em que você vive o seu personagem, monta o seu enredo e dramatiza o seu melhor”, opina.

Cézar Lima fez curso de rádio e TV

Cézar Lima fez curso de Rádio e TV

Curtidas

Você também pode gostar