BBB, Globo, Noticia

BBB 19: Rodrigo processará Paula devido a comentários preconceituosos da sister contra ele

Paula está envolvida em mais uma polêmica dentro do BBB 19. Isso porque, após a saída de Rodrigo na noite desta terça-feira (02) da casa mais vigiada do Brasil, o brother acabou se deparando com cenas em vídeo nem um pouco agradáveis sobre ele, cujas foram protagonizadas pela mineira.

A loira, no entanto, acabou tecendo comentários preconceituosos relacionados ao carioca, sendo que um deles foi sobre o fato dela ter dito que tinha “medo de Rodrigo por ele ter contato ‘com esse negócio de Oxum’, afirmando, em seguida, que “nosso Deus é maior”.

Sendo assim, o agora ex-BBB pretenderá entrar na justiça contra a bacharel em Direito ainda nesta semana, quando irá depor nos tribunais acerca do ocorrido, conforme relata o assessor Adalberto Neto, o responsável por mostrar as tais atitudes da participante a seu cliente.

“Passei a noite com ele e com muito cuidado contei as coisas boas e também essa parte mais delicada. O Rodrigo, por incrível que parece, recebeu com muita serenidade”, contou Neto, em entrevista ao UOL, que ainda completou: “Ele quer tocar [o depoimento contra a Paula], e não apenas pelo que foi desferido contra ele, mas pela causa que ele defende. Pelas pessoas que ele representa e que isso não volte a ser reproduzido. Isso é o que ratifica o genocídio negro e o racismo”.

Veja também:

Desta forma, quem ficará à frente do caso será o advogado Ricardo Brajterman, o mesmo que está responsável por defender Rodrigo dos ataques racistas que ele sofreu nas redes sociais esta semana.

“A gente vai processar, em relação ao racismo, racismo religioso. A minha família cultua o candomblé, que não tem uma estrutura de catequizar ninguém, não cheguei nesse programa para catequizar ninguém. (…) Não é só por mim, por tudo um povo, uma população que cultua algo e é desrespeitada. Não posso me calar de forma alguma”, afirmou o dramaturgo durante participação no Mais Você desta quarta-feira (03).

Já acerca dos comentários de Paula, o irmão de Rodrigo, Fábio França, comentou ao UOL: “Sabemos que todos têm que ser responsabilizados pelos seus atos. Discursos como estes estão matando pessoas, violando terreiros, ameaçando a fé. Se ela [Paula] errou, deverá ser interrogada. O Rodrigo sempre lutou contra a injúria racial e a intolerância religiosa. São pautas que ele defende”.

Paula X Rodrigo (Foto: Reprodução/Montagem)

Paula X Rodrigo (Foto: Reprodução/Montagem)

Você também pode gostar