BBB

“BBB 17”: Por causa de Emilly, internautas se revoltam contra o reality e prometem boicotar patrocinadores

Em virtude da permanência de Emilly no “Big Brother Brasil” na última terça-feira (07), vários internautas se revoltaram nas redes sociais com as intervenções que a produção do reality anda fazendo durante a competição, pois os telespectadores do programa acreditam que esteja havendo um favorecimento por parte da equipe à jovem. Com isso, eles prometeram boicotar a atração e os patrocinadores, através de publicações no Twitter.

Só para se ter uma ideia, no começo da tarde da última sexta-feira (10) a hashtag #VergonhaPatrocinarBBB ficou entre os Trending Topics do Twitter, obtendo mais de 40 mil postagens em menos de 50 minutos.

Em razão disso, os fãs de Vivian e Marcos desejam reprimir as principais marcas que tem vínculo com o “BBB 17”, dentre elas Guaraná Antárctica, Claro, Magazine Luiza e Itaipava.

Vale destacar ainda que o reality show global é um dos maiores faturamentos da casa, pois só na edição anterior o “Big Brother” acarretou cerca de R$ 300 milhões aos cofres da Globo.

Veja abaixo algumas das retaliações dos internautas aos patrocinadores do reality:

Emilly está sendo rejeitada pelos internautas (Foto: Reprodução).

Você também pode gostar