Emissoras

Band não se arrepende de ter demitido Luiz Bacci, saiba porque

Sim! Já vai fazer um ano que Luiz Bacci retornou a TV Record, mas em maio de 2014 o ex-menino de ouro assinava com a Bandeirantes para comandar um programa com plateia, a tarde, pitada de jornalismo, emfim! Do jeito que ele queria, porém como não é novidade para ninguém o programa foi uma desgraça, não vingou nem um pouco e o apresentador no fim de 2014 foi colocado na rua.

Acontece que meses depois da demissão do Bacci a Band fez uma análise financeira para saber os custos de produção dos seus programas e um deles foi o extinto “Ta na Tela” e a conclusão que a equipe chegou foi que a melhor decisão que a Band pode ter tomado foi tirar o programa do ar. De acordo com o colunista Flávio Ricco, manter o “Ta na Tela” seria insustentável a longo prazo tendo em vista o lucro do programa e os seus gastos.

Para se ter uma ideia, os estudos apontavam que o camarim do programa gastaria algo em torno de 60 mil reais por mês e a plateia iria custar incríveis 600 mil reais. Esse valor seria perfeito se no “Domingão do Faustão”, “Hora do Faro”, “Programa Eliana”, que são programas dominicais que conseguem lucrar muito, mas no caso do “Ta na Tela”, as ações de marchandesign teriam que ser muitas, tendo em vista o baixo valor para anunciar, afinal nesse horário a audiência não costuma decolar, falando da Band então.

(Foto: Internet)
(Foto: Internet)