Apresentador de afiliada da Band no Paraná revela sofrer ameaças de morte

O mundo do crime anda realizando ataques à mídia constantemente no Paraná. O mais recente caso aterrorizou aos telespectadores da versão local do “Brasil Urgente”, na afiliada da Band no estado. De acordo com informações do “NaTelinha”, o jornalista Cid Ribeiro que apresenta a atração revelou estar sofrendo com ameaças de morte constantes.

Os ataques, sofridos pelo profissional, o levaram ao desespero após um aviso chegar na casa do pai dele. Um recado escrito em um papel estava escrito: “É só um aviso: ou para de falar merda sobre ruas ou vai morrer toda sua família ‘boca aberta’“. No entanto, o terror tomou conta quando o papel cobria projéteis de balas de uso exclusivo da Polícia.

A situação foi relatada por Cid nas redes sociais, onde ele classifica o caso como “atentado à liberdade de expressão“. A TV Tarobá diz que isto expõe as “ameaças desencadeadas após reportagens feitas pelos jornalistas da TV Tarobá sobre o caso conhecido como ‘Chacina de Janeiro’“. A chacina citada em questão teve cobertura exclusiva do canal, que revelou os esquemas da tragédia onde envolviam policiais como acusados.

(O jornalista Cid Ribeiro comanda o "Brasil Urgente" na TV Tarobá, afiliada à Band no Paraná)
(O jornalista Cid Ribeiro comanda o “Brasil Urgente” na TV Tarobá, afiliada à Band no Paraná)
Curtidas
Diiego
Curitibano e fundador do site Famosos na Web, sou apaixonado pelo mundo virtual.