Celebridades

Após morte do filho, Tati Quebra Barraco sofre ataques racistas na web

Tati Quebra Barraco anda passando por dias difíceis em sua carreira e vida pessoal, recentemente a cantora acabou perdendo seu filho durante uma operação da PM no Rio de Janeiro. O sepultamento de Yuri Lourenço aconteceu no cemitério do Pechincha, zona oeste do Rio de Janeiro, ainda em Dezembro do ano passado.

Novamente a funkeira voltou a virar notícia por um fato no mínimo desagradável, isso porque Tati sofreu ataques racistas em seu perfil das redes sociais. Assim como outras famosas como Maju e Taís Araújo, a cantora não se intimidou e procurou a Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro, para denunciar as ofensas.

Em sua página do facebook, Quebra Barraco lamentou: “A tristeza nos domina, mas há um dia em que devemos pelo nossos sonhos, retornar ao trabalho. Como mulher independente, batalhadora desde cedo, afirmo: É necessário!  Escolher um trabalho que gosta, é não ter que trabalhar um dia se quer da sua vida. Deus vai me confortar. Ele não dar batalhas que não pudéssemos vencer e nem problemas que não pudéssemos resolver” escreveu ela.

Tati Quebra Barraco denunciou racismo sofrido na web (Foto: Reprodução/Gshow)