Globo, Noticia, O Sétimo Guardião

Após morte de figurante em gravação de O Sétimo Guardião, colegas ficam revoltados com a Globo; entenda

A morte do figurante Joseph Lima dos Santos, 23 anos, que passou mal durante uma gravação de O Sétimo Guardião no último dia 27, ainda repercute nos bastidores e chama a atenção pela revolta de seus colegas. Os relatos feitos por esses profissionais indignados com a situação chegam a ser alarmantes.

Eles dizem que sofrem discriminação e são submetidos a condições “desumanas” de trabalho na Globo e na Record. Porém, as emissoras negam. “Todo mundo cagou para isso [a morte de Santos]. Não valemos nada. Se o figurante morrer num set [estúdio], a gravação vai continuar. Eles continuaram a gravação como se não tivesse acontecido nada ou como se tivesse morrido um cachorro que você coloca no canto”, diz um figurante que estava presente no dia em que o colega morreu e que pediu para não ser identificado.

Segundo informações divulgadas pelo site Notícias da TV, Joseph usava o sobrenome Zimmerman como artístico. Ele gravava na cidade cenográfica da Globo dentro de um ônibus que levava turistas para Serro Azul. A cena está prevista para ir ao ar nesta terça-feira (12). Colegas contam que ele chegou à Globo pela manhã, suado e reclamando de dores no peito. Foi atendido no posto médico da emissora, onde teriam lhe dado uma injeção para dor muscular. Depois, ele foi almoçar, mas continuou com dores.

“Ele passou mal sentado dentro do ônibus. Desmaiou, e ali ele morreu. Imediatamente a senhora Rede Globo de Televisão tirou ele numa maca e levou para o hospital para dar o óbito lá. A Globo diz que ele morreu no hospital para tirar o corpo fora”, continua o colega de Zimmerman, sob anonimato.

Veja também:

A Comunicação da Globo afirma que o figurante recebeu os primeiros atendimentos e foi levado para o hospital, onde morreu. “A Globo reitera que lamenta profundamente, presta solidariedade e acompanha toda a assistência dada à família de Joseph pela empresa da qual era funcionário”, declara a emissora.

Zimmerman trabalhava como figurante há cinco anos. Toda a figuração das novelas da Globo é contratada por meio de agências de casting. A Luz e Cor Casting era a responsável pelo trabalho do rapaz no dia de sua morte. Os amigos dele afirmam que somente a agência deu apoio. “Não vi a Globo se manifestar em nada, nenhum apoio, nada”, diz uma fonte. O assunto continua dando o que falar e o clima permanece pesado nos bastidores de O Sétimo Guardião.

Joseph Zimmerman morreu no último dia 27 após passar mal em gravação de novela (Foto: Reprodução/Instagram)

Você também pode gostar