Celebridades

Após chamar Ludmilla de macaca, apresentador da Record terá prejuízo milionário

Recentemente, um apresentador da Record surpreendeu ao chamar Ludmilla de “pobre e macaca” ao vivo, durante o “Balanço Geral” local de Brasília. O vídeo teve uma imensa repercussão e chegou até a cantora, que, de imediato, acionou a polícia e presto queixa. Depois disso, a emissora de Edir Macedo decidiu tomar um providência e demitiu o jornalista.

No entanto, ele está se negando a assinar o contrato de rescisão, já que ainda faltam 31 meses para cumprir, ou seja, ele perderá 31 salários, um prejuízo que fica entre R$ 2,1 a 3,5 milhões, já que a quantia que ele recebia ficava entre R$ 70 mil e R$ 100 mil, somando com os anúncios de merchandisings feitos no programa, no qual ele tinha participação.

Veja também:

Relembre o caso: Tudo aconteceu quando o apresentador estava exibindo uma pauta sobre Ludmilla, dizendo que ela não estava querendo tirar fotos com os fãs. “É uma coisa que não dá para entender. Era pobre, macaca…pobre, mas pobre mesmo. Eu sempre falo para os meus amigos: eu era pobre e macaco também. Eu era não…eu sou rico hoje, de saúde, graças a Deus”, disparou ele.

Ludmilla foi chamada de “pobre macaca” em programa da Record (Imagem: Montagem/Divulgação)

Você também pode gostar