Programas

Antônia Fontenelle quebra o silêncio no “Programa do Porchat”

Envolvida na polêmica da herança do ex-diretor da Globo Marcos Paulo, falecido em 2012, a atriz e apresentadora Antônia Fontenelle vai quebrar o silêncio em torno do assunto nesta segunda-feira (27) no “Programa do Porchat”, da Record TV. “Eu fiquei dois anos apanhando calada, mas tem uma hora que a gente tem que falar”, revela.

Convidada especial do talk show, Fontenelle ainda relata sobre como era a vida de casada com o falecido e diz não ter usado de privilégios para conseguir algo maior na carreira profissional. “Quando eu era mulher do Marcos Paulo, as pessoas me odiavam por isso […] Hoje eu me arrependo de não ter aceito nada que viesse dele […] Levei o Marcos Paulo no sertão do Piauí, e ele amou porque lá tem pessoas de verdade”, conta ela.

Além do mais, a artista também fala sobre sua personalidade. “Eu sou reativa. Eu me defendo muito porque eu só tenho a mim para me defender […] Eu gosto é do octógono. Eu não chamo ninguém pro ‘fight’, mas, se me chamar, eu vou”, explica.

Veja também:

Sobre o término do casamento com Jonathan Costa, Antônia esclarece: “O casamento acabou porque a gente divergia muito em relação ao trabalho. Eu queria algo diferente pra ele. Eu sou controladora, sou centralizadora”. Quando questionada sobre se iria casar de novo, a loira afirma: “Ainda não, mas vai ter outro… Eu sou um bebê” (risos).

O programa vai ao ar logo mais, a partir da 00h.

Antônia Fontenelle participa do “Programa do Porchat” nesta segunda (27).

Você também pode gostar