Celebridades

Antes de morrer, Cristiano Araújo chamou por cinco nomes, saiba quais

Em entrevista ao programa ‘Hora do Faro’ do último domingo (06), o assessor de imprensa do cantor Cristiano Araújo, Marcos Demétrio, que estava em um carro atrás do veículo que transportava o cantor e sua namorada, Allana Moraes no momento do acidente, presenciou a tragédia que os levou à morte no dia 24 de junho.

Marcos revelou, no programa do Rodrigo Faro, que foi a última pessoa a segurar a mão de Cristiano Araújo. “Só segurei na mão dele e falei: ‘Estou aqui nesse momento para te dar força’. Segurei a mão dele até o final”, disse o grande amigo que, emocionado, completou: “Eu que tive que dar o primeiro auxílio, ligar para ambulância, para viatura. Eu fiquei zonzo, não sabia nem para que lado ir, fiquei cego naquele momento. Na hora eu me segurei o máximo possível para não desabar, era eu, ou era eu!”

Marcos ainda contou que o sertanejo chamou pelos cinco amigos enquanto sentia fortes dores, a caminho do hospital. “No momento de dor, ele chamou por cinco nomes. O Rafa [Rafael Vanucci, produtor], Edimar, funcionário nosso, o Leandro, primo dele, Toninho e Raimundo, empresários. Chamava porque estava sentindo muita dor, ele queria ajuda naquele momento.” revelou.

Veja também:

Para Marcos, ficam as imagens finais de Cristiano e a eterna saudade. ” Cristiano, obrigado por tudo, por tudo o que fez por mim. Esses quatro anos ao seu lado foram os melhores quatro anos da minha vida. Eu queria ter você aqui nesse momento. Mas você está do lado de Deus, junto com a Allana e eu só tenho a agradecer por ter vivido esses quatro anos ao seu lado. Vai com Deus!”, falou.

Marcos Demétrio (Foto: Reprodução/Internet)

Marcos Demétrio, assessor e amigo de Cristiano Araújo (Foto: Reprodução/Internet)

Você também pode gostar