Celebridades

Ana Hickmann comenta decisão do promotor: “Fiquei extremamente indignada”

O cunhado da apresentadora está sendo acusado por homicídio doloso (que se refere a quando existe a intenção de cometer o crime) por ter matado o fã que tentou assassinar Ana Hickmann. A denúncia foi acatada pelo Ministério Público de Minas Gerais, que está culpando Gustavo Henrique Bello Correa por ter se defendido de uma tentativa de assassinato.

Nesta segunda-feira, dia 18 de julho, Ana Hickmann falou a respeito da decisão da Justiça: “Fiquei extremamente indignada com o que aconteceu, com a decisão tomada pelo promotor, porque eu acho que a gente não pediu aquilo tudo para acontecer, fomos lá para trabalhar, fomos atacados, quase perdemos a nossas vidas, minha cunhada carrega até hoje às cicatrizes, só a gente sabe o que passamos, e mesmo assim alguém disse que meu cunhado quis fazer aquilo. Não posso concordar com isso”.

Veja também:

Segundo a apresentadora da Record, seu cunhado arriscou sua vida para salvar a dela: “Nunca vou concordar de alguém acusá-lo de homicídio doloso. Temos que esperar, mas me surpreendeu a velocidade com que aconteceu no meu caso, porque para tudo demora tanto. A gente se defendeu, fomos vítimas, mas ainda não deram prazo nenhum para se resolver. Tenho vida pública, a minha família nunca quis isso, mas agora eles estão expostos”. E acrescentou: “Tenho que estar feliz, minha família está unida. Não tenho motivo para chorar, tenho para ficar indignada com o que estão fazendo, mas meu coração acredita que a verdade vai prevalecer”.

Ana Hickmann foi vítima de tentativa de homicídio (Foto: Reprodução)

Ana Hickmann foi vítima de tentativa de homicídio (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar