Celebridades

Amado Batista surpreende ao pedir volta da ditadura no “Programa do Porchat”

O cantor Amado Batista surpreendeu o apresentador Fábio Porchat ao expôr uma opinião sobre a ditadura militar, na gravação que ocorreu nesta terça-feira (4), para o “Programa do Porchat”.

O artista que conta com quase 40 discos, e que foi preso e torturado durante essa época que ocorreu no país de 1964 à 1985, usou o talk-show para fazer campanha pelo retorno do controle militar no Brasil. “Prefiro a ditadura a essa anarquia que está hoje”, disse.

Ele ainda revelou em qual candidato votará para assumir a Presidência da República a partir de 2019. “Democraticamente, tem que ser Jair Bolsonaro”. Cabe lembrar que Bolsonaro é atual deputado federal do Rio de Janeiro, e foi o primeiro nome já confirmado nas eleições presidenciais do ano que vem.

Veja também:

A entrevista irá ao ar logo após o “Gugu”, na Record, a partir das 00h15 da noite.

(Foto: Reprodução)

Você também pode gostar