Novelas

Alexandre Nero sobre Romero de “A Regra do Jogo”: “Ele é o papel mais humano que já fiz”

Em entrevista ao portal “UOL”, João Emanuel Carneiro, o autor de “A Regra do Jogo”, disse a sua trama é uma novela de redenção, e que Romero não vai tornar-se bom tão rapidamente.

Alexandre Nero também teve uma conversa para o mesmo site e analisou a sua personagem no folhetim das 21h da Rede Globo: “Não é uma torcida, mas acho que a única maneira de um ser humano real ter redenção é morrendo. Quando morre, todo mundo vira santo, vira herói. Enquanto estiver vivo, tem rabo preso, é frágil para ser atacado. Romero tem defeitos grandes, como todo mundo. E é tão maravilhoso porque o próprio público não se enxerga nele. Romero engana que é bom, e as pessoas acham que são boas, que são melhores que os outros. O problema são os outros”.

Veja também:

E completa: “Eu ainda o estou descobrindo. Quando penso que ele não vai fazer determinada coisa, ele vai lá e faz. Ele é o papel mais humano que já fiz, está sempre em contradição”

Alexandre Nero é Romero em "A Regra do Jogo" (Foto: Reprodução)

Alexandre Nero é Romero em “A Regra do Jogo” (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar