Audiência da TV, Noticia, Programas

Ainda que seja um fracasso, Dancing Brasil aumentou a audiência em novo dia

Desde que saiu da Globo depois de quase três décadas, Xuxa Meneghel ainda não conseguiu emplacar uma atração sequer dentro da RecordTV desde que foi contratada, em 2015. Após a extinção do seu programa de auditório, ela foi anunciada como apresentadora do Dancing Brasil. Lançado no ano passado, o formato já acumula três temporadas, e a atual, no ar desde janeiro, estreou em novo dia.

Entretanto, ainda que esteja sendo transmitida nas noites de quarta-feira, horário no qual compete com o futebol na Globo, o reality não conseguiu um aumento considerável nos seus índices, pelo menos na Grande São Paulo, ainda que houvesse uma esperança no dia da estreia, em 17 de janeiro, quando chegou aos dois dígitos, com média de 8,1, e que veio a cair no decorrer das semanas seguintes.

De acordo com dados consolidados do Ibope, desde seu lançamento, a queda foi de 28,4%, e o recorde negativo veio a ser alcançado nesta última quarta (7), com míseros 5,8, garantindo a terceira colocação, chegando a ser encochada pela sessão de filmes da Band, o Quarta no Cinema. Ou seja, a cada dez telespectadores, três deixaram de acompanhar a competição entre famosos na dança.

Veja também:

Apontado como manipulado, o Dancing Brasil é um verdadeiro sucesso em faturamento, apesar que o desempenho não venha a ser o mesmo na audiência, por exemplo. Nesta temporada, o programa beira os 7,0 pontos de média geral, o que é positivo quando se comparado com as edições anteriores, que fechavam com 5,0 no mesmo período. Os dado são consolidados. Cada ponto equivale a 71,8 mil domicílios na Grande São Paulo.

Xuxa comanda o Dancing Brasil (Foto: Reprodução)

Xuxa comanda o Dancing Brasil (Foto: Reprodução)

Acompanhe todas as novidades dos famosos e da TV, em nosso canal no YouTube!

Você também pode gostar