Celebridades

Agnaldo Timóteo revela ter tido romance homossexual no passado e gera escândalo

Atualmente se mostrando homofóbico, Agnaldo Timóteo fez uma revelação que surpreendeu a muitos. No documentário “Eu, Pecador”, o cantor resolveu contar a cerca de um romance homossexual que teve no passado com um ex-funcionário. Os relatos foram exibidos na íntegra durante a estreia do curta-metragem, que aconteceu no último domingo, 08 de outubro, no Festival do Rio.

No entanto, quem não gostou disto foi o homem citado por Agnaldo, que ameaçou processá-lo e demonstrou ter se chateado seriamente com a situação. Ele, que estava presente no momento da exibição do documentário e fez um escândalo, justificava que não deveria ter sido exposto de tal maneira, pois hoje em dia tem família sólida e não estava contando ter que lidar com esta revelação.

Com os ânimos exaltados, o diretor da produção, Nelson Hoineff, teve que interferir no tumulto e acatar o pedido de exclusão da cena em que Agnaldo Timóteo conta sobre este amor. Deste modo, na exibição do mesmo documentário durante a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que acontecerá neste mês, será perceptível o corte.

Veja também:

Convivi durante um ano e meio com o Agnaldo Timóteo e posso dizer o quanto ele é extraordinário e sensível. Não faria nada para magoá-lo e do filme não será retirado nada além de cinco segundos“, disse Hoineff em entrevista ao jornal “Extra”.

Cantor Agnaldo Timóteo (Imagem: Divulgação)

Você também pode gostar