Celebridades

24 horas depois de carregar a tocha, morre o cirurgião plástico Ivo Pitanguy

Morreu na tarde deste sábado, 06, o cirurgião plástico  Ivo Pitanguy, aos 90 anos de idade. O cirurgião, carregou a tocha olímpica na manhã de ontem, no Rio de Janeiro, por isso, a sua morte causou perplexidade a imprensa nacional. No revezamento da tocha, o cirurgião plástico precisou ser levado na cadeira de roda, já que vinha enfrentando uma certa deficiência na sua saúde, por conta da sua idade avançada.

Ivo teve uma parada cardíaca, na sua casa, ao lado da sua família. Mineiro, o cirurgião foi formado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e na Faculdade Nacional de Medicina, hoje pertencente à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Durante seu processo de formação, nos anos 40, ele fez residência em uma importante clínica americana.

Veja também:

Considerado o maior cirurgião plástico do país, Ivo Pitanguy era uma pessoa extremamente influente na cirurgia plástica, sendo responsável  por milhares de cirurgias. Além disso, ele era patrono da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e membro honorário da American Society of Plastic Surgery (AISAPS). Desde 1990, ele ocupa a cadeira de número 22 da Academia Brasileira de Letras.

Ivo Pitanguy morreu aos 90 anos de idade (Foto: Reprodução/Jornal do Brasil)

Ivo Pitanguy morreu aos 90 anos de idade (Foto: Reprodução/Jornal do Brasil)

Você também pode gostar