“Tá na Tela” vai ao México atrás de antiga namorada de “Chaves”

chavesInvestindo pesado, Bacci vai ao México atrás de uma antiga namorada de Chaves, suas reportagens são de boa qualidade, porém o sensacionalismo está parecendo com o “João Kleber”.

Luiz Bacci irá até o México para revelar a “namorada” do Chaves. Nesta sexta-feira (12), após o Tá na Tela, o apresentador viajará para a Cidade do México para entrevistar Ana de la Macorra, 56 anos, que interpretou Paty na série exibida pelo SBT. Afastada da televisão, a atriz virou psicóloga e falará pela primeira vez a uma emissora brasileira. Além disso, Bacci fará outras reportagens para “celebrar” os 30 anos de Chaves e Chapolin no Brasil.

Paty será o “plano B” de Bacci. A ideia inicial era entrevistar Roberto Gómez Bolaños, o criador de Chaves. Entretanto, além de ele estar inacessível, o apresentador não teria tempo para ir até Cancún, cidade litorânea do México, onde o ator, de 85 anos, se recupera de problemas respiratórios e de locomoção.

O apresentador viajará com o diretor Rodrigo Branco e um cinegrafista. Eles desembarcarão na manhã de sábado (13) e retornarão ao Brasil na tarde de domingo (14).

Ana de la Macorra foi a terceira atriz a interpretar Paty na série, e a mais famosa no Brasil. O programa também vai citar a segunda Paty, Rosita Bouchot, que virou atriz de pornochanchada após gravar Chaves e Chapolin.

Além de Paty, Luiz Bacci está tentando marcar uma entrevista com Rubén Aguirre, 80 anos, o Professor Girafales, recém-saído do hospital onde estava internado desde 23 de agosto com desidratação e fraqueza nas pernas, o que o impedia de caminhar.

A entevista com Ana de la Macorra será exibida na terça-feira (16). Na segunda (15), irá ao ar uma gravação com fãs da série mexicana. A equipe do programa tentou trazê-la ao Brasil e cogitou instalar um telão no centro de São Paulo para os fanáticos interagirem com ela, porém a ideia foi cancelada.

No México, o apresentador visitará o cemitério Mausoléos del Ángel, onde foram enterrados Ramón Valdés (1923-1988), o Seu Madruga, e Angelines Fernández (1922-1994), a Bruxa do 71. Será a primeira emissora a mostrar o lugar onde os dois atores estão sepultados.