SC: Cinegrafista de afiliada da Globo é ameaçado de ser preso durante gravação

  Na última terça (27), o repórter cinematográfico da RBS TV, afiliada da Globo em Santa Catarina, Gregori Flauzino, foi ameaçado por policiais enquanto gravava momentos em que acontecia a reconstituição da morte de Ricardinho, surfista da cidade de Palhoça e que foi morto, na Guarda do Embaú, no interior do estado.

  Segundo ele, três policiais integrantes da COP (Central de Operações Policiais) chegaram a ameaça-lo, e se caso  ele não apagasse as imagens feitas eles iriam prende-lo.

  De acordo com o jornal ‘Diário Catarinense’, a Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão “…aguarda providências das autoridades responsáveis pelo incidente, para que fatos como esse não se repitam. Entendemos que a época da censura é página virada em nossa história“.

  Vale lembrar que esse não é o primeiro caso de repreensão a jornalistas da região Sul. Há algumas semanas atrás, no Paraná, um repórter da CNT foi preso ao vivo num caso parecido, e que serve de maior atento para as autoridades não abusarem de seus poderes, como anda acontecendo naquela região do país.

(Imagem: Reprodução/Globo)

(Imagem: Reprodução/Globo)