Rodrigo Sant’Anna afirma estar preparado para abandonar bordões no novo ‘Zorra’

Com certeza sendo a principal peça do humorístico, o ator Rodrigo Sant’Anna iniciou sua carreira em 2010 no ‘Zorra Total’, onde era ele mesmo quem criava os bordões e redigia os textos a serem lidos no ar. Agora, de nova jornada, em entrevista contou um pouco a cerca de seus desafios na nova fase do programa que modificou até o título, e se chama ‘Zorra’ apenas.

Ao portal UOL, Rodrigo deixou claro uma tranquilidade a cerca das adequações feitas em cima do formato do programa e chega a afirmar que não encontrou muitas dificuldades. Ele viveu na pele a personagem Valéria e criou o bordão “Ai como eu tou bandida”, que colou como chiclete na boca dos brasileiros por um bom tempo, o que não pode mais acontecer na nova versão do programa que abomina os bordões que agora são taxados como antiquados e anti modernos.

É uma adequação, e não uma dificuldade. Esse trio foi bem marcante e me trouxe uma maior visibilidade no meio. Sinto muito orgulho de ter colaborado, de ter participado com eles do ‘Zorra Total’, mas agora é outra vida, são outras direções […] eu acho que o público é um patrão mais exigente do que aquele que paga, que dá o emprego. De certa forma a gente está suscetível a todos os tipos de gostos. A torcida é grande, a entrega tem sido enorme e agora é esperar o dia da estreia. Eu acredito que vai ser um sucesso. A minha alegria maior é poder experimentar novas oportunidades, e isso o novo ‘Zorra’ está trazendo.“, completou o ator em entrevista ao site.

Ele não mostrou nenhum empecilho nessa nova jornada.  (Imagem: Alex Palarea/AgNews)

Ele não mostrou nenhum empecilho nessa nova jornada.
(Imagem: Alex Palarea/AgNews)