Na capa da ‘Vanity Fair’ Bruce Jenner aparece pela 1ª vez como mulher

Surpresa! Bruce Jenner, x-padrasto de Kim Kardashian, aparece pela primeira vez como mulher na capa da edição de julho da revista “Vanity Fair”. E mais, na publicação norte-americana, o ex-padrasto de Kim anuncia seu novo nome. “Me chamem de Caitlyn”, pede ele na chamada de capa da revista. Para sua nova identidade, inclusive, já tem até conta no Twitter. Em um vídeo divulgado pela “Vanity Fair”, Caitlyn comentou a nova fase de sua vida: “Estou muito orgulhosa dessa realização, não quero minimizá-la”, pontuou ela, que fez circurgia facil para ficar como rosto mais feminino.

“Esse ensaio é sobre minha vida, sobre quem sou como pessoa. Não é sobre os fãs. Bruce sempre teve que falar mentiras, teve que guardar seus segredos. De manhã até à noite. Caitlyn não tem nenhum. Quando a capa da ‘Vanity Fair’ sair, estarei livre”. Sobre a transição de gêneroBruce Jenner falou pela primeira vez, em abril deste ano. Em entrevista à repórter Diane Sawyer, da rede ‘ABC’, o ex-atleta olímpico e ex-padrasto de Kim Kardashian falou sobre as mudanças em sua vida e como sua família encarou sua decisão.

“Eu sou eu. Eu sou uma pessoa. Este é quem eu sou. Eu não estou preso no corpo de ninguém. Meu cérebro é muito mais feminino do que masculino. Vamos dar-lhe a alma de uma mulher e ver como ele lida com isso… Eu não estou preso no corpo de ninguém. Eu sou quem eu sou como um ser humano”. Um dos pontos altos foi quando a repórter questionou se Bruce Jenner se considera homossexual. “Não, eu não sou gay. Até onde eu sei, sou heterossexual. Eu nunca estive com um homem”, revelou Caitlyn.

E o ex-atleta olímpico continuou o desabafo: “As pessoas olham para mim de forma diferente. Elas me vêem como um ‘macho’, mas meu coração e minha alma e tudo o que eu faço na vida é parte de mim. Esse lado feminino é parte de mim. É quem eu sou “. E finalizou: “Sexualidade é quem você é por fora. Mas identidade de gênero tem a ver com sua alma”.

Caitlyn Jenner

Caitlyn Jenner