Michael Jackson vai ressuscita em turnê mundial

Michael Jackson

Michael Jackson

O falecido ‘Rei do Pop’, que foi ‘ressuscitado’ e apareceu no palco do Billboard Music Awards na noite do passado domingo graças à tecnologia avançada, poderá fazer a alegria dos seus fãs com uma turnê mundial, cinco anos após a sua morte.
O falecido ‘Rei do Pop’, que foi ‘ressuscitado’ e apareceu no palco do Billboard Music Awards na noite de domingo graças à tecnologia avançada, poderá fazer a alegria dos seus fãs com uma turnê mundial, cinco anos após a sua morte.

Os produtores do espetáculo de efeitos especiais querem colocar esse show na estrada e transformá-lo numa tournée de dois anos que deverá arrecadar vários milhões de euros.

“É só uma questão de tempo antes que um holograma assim saia em tournée. O apetite do público pela música de Michael Jackson nunca foi tão grande e esta é uma forma única de experimentar a sua magia”, destacou uma fonte ao jornal Daily Star.

O desempenho do holograma no Billboard Music Awards segue o sucesso do novo álbum póstumo de Michael Jackson, ‘Xscape’ , que recentemente conquistou o Reino Unido.

John Branca, o gestor do espólio do cantor, afirma que “foi muito importante a experiência de Michael Jackson num cenário vivo. Queríamos uma performance ao vivo na frente de uma plateia também viva”.

Ao todo, o holograma levou quatro meses para estar pronto e contou, inclusive, com a ajuda de Rich e Tone Talauega, coreógrafos de Michael, que ficaram responsáveis pelos movimentos da dança.

“Nós sabíamos que não precisávamos de fazer nada muito fora do comum com os seus passos de dança, então mantivemos tudo dentro”, disse o coreógrafo Rich Taluega, destacando ser “a forma como reconfiguramos os passos que parece diferente. Ainda estamos na mesma linguagem, mas usamos um dialeto diferente”.

Nas imagens, o cantor dançou e fez o famoso moonwalk acompanhado de um grupo de dançarinos, sempre ao som da nova faixa, ‘Slave to the Rhythm’. “Assistimos à magia de Michael Jackson como se ele realmente estivesse ali”, comentou o diretor e produtor Larry Klein.

A produtora de eventos Dick Clark Productions construiu um palco especial no fundo da MGM Grand Garden Arena em Las Vegas para a apresentação. Os dançarinos desfilavam entre as fileiras da plateia, enquanto no palco Michael era visto levantando-se de um trono e descendo as escadas, para depois começar os seus clássicos passos de dança num cenário inspirado na arte do disco ‘Dangerous’, de 1991.