‘Me vejo cada vez mais adiando’ diz Carol Castro sobre ser mãe

No inicio de 2014, quando terminou a novela “Amor à vida”, Carol Castro fez um pouquinho de tudo: participou da montagem da “Paixão de Cristo” em Nova Jerusalém, gravou o filme “E.A.S. – Esquadrão Anti-Sequestro”, foi repórter do quadro “Dança dos Famosos”, do “Domingão do Faustão”, e ainda fez uma ponta na temporada atual de “Malhação”.

Carol Castro aos 31 anos ela diz que está cada vez mais satisfeita com o próprio corpo. – “Minhas metas são sempre visíveis, sempre me ligo mais nas roupas do que em balança ou percentual de gordura. De uns meses para cá, estou chegando onde sempre gostaria de ter chegado, até porque na época do ‘Dança dos Famosos’ fiquei magra demais. Gosto de achar o equilíbrio, não ficar nem magra nem sarada demais. Acho que aquela barriga tanquinho fica até bonita nos outros, mas em mim não gosto, acho que perde a feminilidade. Diria que hoje estou mais satisfeita do que aos 21 anos, por exemplo”. Carol diz que ter mudado a alimentação também contribuiu para manter a forma. – “Descobri que tenho intolerância à lactose, então senti que meu corpo mudou quando eliminei esses alimentos. A parte mais difícil foi o queijo, porque sempre fui muito ‘ratinha’, comia queijo em cima de queijo”.

Carol Castro está casada há pouco mais de um ano com o modelo Raphael Sander, a atriz diz que o relacionamento está cada vez melhor. – “Nada melhor do que a intimidade, a parceria, o dia a dia e o tempo para melhorar a relação. Acho que o grande desafio de um casamento é ir mudando e se transformando em conjunto. A ideia é que [a relação] vá ficando cada vez mais ‘azeitada’”.

Com a exposição e tanta gente de olho tanto nele quanto nela, não rolam ciúmes? – “Ciúmes todo mundo tem, quem diz que não está mentindo ou então é porque não ama e não está nem aí. Mas sabemos que temos profissões em que não dá para ficar encasquetando com certas coisas. Não dá para ficar chateada porque estão olhando para ele ou ele porque estão olhando para mim. Por isso que a comunicação é essencial. Se tem uma coisa incomodando, fala logo. Não dá para ficar esperando, fazendo joguinho… Não rola. Primeiro porque ficar guardando as coisas não faz bem para ninguém. Segundo porque nossa mente é nosso maior inimigo”, afirmou a atriz.

A atriz está casada e muito feliz, a cobrança passa a ser para aumentar a família. Carol, no entanto, diz que a prole não deve vir tão cedo. – “Antigamente, achava que ia ser mãe antes dos 30 anos. Hoje em dia, com 31, me vejo adiando cada vez mais esse projeto. Ainda mais porque agora, por exemplo, não é o momento certo nem para mim nem para ele. A família não me cobra nem um pouco, graças a Deus. A imprensa me cobra mais do que a família! Tenho muita vontade de ser mãe, sempre tive esse instinto, mas estou deixando rolar, Até os 35, 36 anos está tranquilo”.

Carol Castro posa para o EGO no MAM (Museu de Arte Moderna), no Rio de Janeiro

Carol Castro posa para o EGO no MAM (Museu de Arte Moderna), no Rio de Janeiro