Lady Gaga tenta convencer menino brasileiro homossexual a não se suicidar

A cantora Lady Gaga foi ao resgate de um fã brasileiro na quinta-feira. O garoto Will Nascimento escreveu uma carta de despedida com uma foto sua na rede social Little Monsters, espaço criado para os fãs da artista e no qual ela costuma publicar recados afetuosos. A cantora fez questão de responder à mensagem do garoto com um apelo para que ele não cometesse suicídio.

Na carta, Will contou que vinha sofrendo preconceito da sua mãe, evangélica, desde que admitira a sua homossexualidade:

“Sou chamado de drogado, prostituto, promíscuo, sujo, demoníaco e sou condenado ao inferno todos os dias… Pelas pessoas que mais amo na minha vida!”.

Lady Gaga publicou a seguinte resposta a ele:

“Não se atreva! Olhe para esse rosto lindo! Toda tristeza pode mudar. Mas você precisa trabalhar para isso. Converse com aqueles que te apoiam e fique com a gente nesse site. Nós precisamos de você. Eu preciso de você. Sem você eu perderia uma parte do meu coração. Eu te amo, monster, outras pessoas às vezes podem não ter compaixão. Não se sinta mal, sinta-se mal por eles”.

Diante da reação de Gaga e as mensagens de outros colegas da rede, o garoto respondeu: “Muito obrigado, monsters! Eu amo vocês!”.

Não é a primeira vez que a cantora faz isso. Em dezembro, ela escreveu a uma fã irlandesa que contou, na mesma rede social, estar deprimida e pensar em suicídio. Na ocasião, Lady Gaga escreveu: “Nós todos amamos você, nada vale a sua vida”. A menina agradeceu: “Você me salvou (…) Com o seu apoio eu me torno forte e saber que você dedicou tempo da sua vida ocupada fez com que eu me sentisse honrada de estar aqui”.