Jornalista norte-americana Barbara Walters se despede após carreira de 53 anos

A jornalista norte-americana Barbara Walters, que abriu caminho para as mulheres no noticiário televisivo e foi a primeira mulher a atuar como segunda âncora de um programa noturno de notícias, se aposentou nesta sexta-feira depois de uma carreira ilustre de 53 anos.
A jornalista de 84 anos se despediu no “The View”, programa matutino que ela criou em 1997 durante uma carreira na qual cobriu vários eventos, da viagem histórica do presidente Richard Nixon à China em 1972 até entrevistas com várias gerações de celebridades e líderes mundiais, incluindo o presidente Barack Obama.
Walters, cujo trabalho rendeu vários prêmios Emmy, o Oscar da TV dos Estados Unidos, brincou que agora terá tempo de aplicar Botox e pode estar disponível para inauguração de supermercados. Em tom sério, acrescentou sentir orgulho sobretudo de como mais mulheres relatam notícias hoje em dia.
“Se eu fiz algo para ajudar isso a acontecer, esse é meu legado”, disse. “Quem sabe o que o futuro irá trazer? Talvez, em vez de adeus, eu deva dizer ‘a bientôt’, quem em francês significa ‘até mais tarde’”.
Uma série de mulheres jornalistas se juntou a Walters no programa para celebrar as suas conquistas. A ex-secretária de Estado Hillary Clinton também apareceu, assim como o ator Michael Douglas e a apresentadora e dona de uma empresa de mídia Oprah Winfrey.
“Como todos, quero agradecer você por ser uma pioneira, em todos os sentidos”, disse Oprah a Walters. “Significa ser a primeira… a botar a porta abaixo, romper a barreira, pavimentar o caminho em que todas andamos”.
O programa culminou uma semana de eventos, como um encontro em Nova York com o ex-prefeito Rudy Giuliani, o diretor Woody Allen e a editora da revista Vogue, Anna Wintour.
O prédio da rede ABC, uma unidade da Walt Disney, foi batizado em sua homenagem. Apresentadores atuais e mais antigos do “The View” se reencontraram para brindar Walters na quinta-feira. A ABC ainda irá transmitir um especial sobre sua história na noite desta sexta-feira.
Walters revelou seus planos de se aposentar um ano antes, dizendo ser uma decisão própria. Depois do anúncio, ela teve alguns problemas de saúde, incluindo uma concussão após desmaiar e bater a cabeça, catapora e uma cirurgia cardíaca em 2010.
Ela entrevistou todos os presidentes norte-americanos desde Richard Nixon, e líderes como o cubano Fidel Castro, a britânica Margaret Thatcher e o iraquiano Saddam Hussein. Ela era famosa por seu estilo inquisidor e foi a primeira entrevistadora de várias personalidades que renderam manchetes.

(Agência Reuters)