“Império”: Magnólia passa mal ao descobrir que está sem dinheiro

Vai chegar ao fim a vida luxuosa de Magnólia (Zezé Polessa) e Severo (Tatu Gabus). Nos próximos capítulos de “Império”, o casal gasta o restante do dinheiro comprando um carro de luxo e contratando um motorista particular.

O automóvel, porém, vai dar uma grande dor de cabeça aos pais de Maria Isis (Marina Ruy Barbosa). Sem saldo na conta bancária, o cheque é devolvido e os picaretas são cobrados na frente ao filho e empregados da casa.

Na cena, os cobradores vão ao apartamento e Severo abre a porta, seguido por Magnólia. Ao fundo, Noely (Laís Pinho) e Valdir, o motorista, observam tudo.

De cara, ela acha que tudo é uma armação do marido: “É armação sua, né, Severo? Pagou uma cervejinha pra esses dois desocupados virem aqui, fingindo que são cobradores. Só pra ver se eu gasto menos!”. Mas Severo nega: “Pior que são mesmo, conheço essa raça pelo cheiro!”.

Sem baixar a cabeça, Magnólia joga na cara dos cobradores que é rica e que eles não precisam fazer cobrança na porta da casa dela. “A senhora não entendeu… Não viemos cobrar nada, viemos apreender o carro! Por favor, queira nos entregar os documentos e as chaves, para retirarmos o veículo da garagem”, explicam os dois.

É aí que a mãe de Maria Isis (Marina Ruy Barbosa) se desespera: “Apreender o carro? Faz alguma coisa, Severo!”. Mas, claro, ele não pode fazer nada: “Tudo que posso fazer é ajudar a abrir a garagem”. Ainda sem acreditar no que está acontecendo, Lady Mágui diz que vai dar um jeitinho, pede para Severo pegar o dinheiro. E é aí que ele solta a bomba no colo dela. “Desde que ganhei aquela bolada nas patas daquele cavalo, tu não fez outra coisa senão torrar a grana toda. Agora, já era!”, afirma. Sem saber o que fazer diante da tragédia, que já estava sendo anunciada há um tempo, Severo aconselha: “Senta e lamenta! Acabou-se o que era doce, o gerente do banco avisou…”.

Agora não tem mais jeito e Magnólia constata: “Meu Deus… Estamos pobres de novo!”.  Noely e Valdir dizem juntos: “Pobres?”. Robertão (Rômulo Neto) larga a revista que estava lendo no sofá, se senta e reage assustado: “Pobres?!”. Severo reafirma para a mulher: “Isso mesmo! Pobres, caídos de novo, e entupidos de dívidas! Imagina um lago cheio de promissórias. Imaginou? Pois é… Nós vamos se afogar nele!”.

Veja sequência:

Magnólia – Não pode! Depois de toda a onda que tirei? Depois de entrar pro high society? Não posso falir!

Valdir – Veja o lado bom, madame: tá na moda rico ter carro apreendido. A senhora tá seguindo uma tendência!

Noely – Quer uma champanhota pra relaxar, Lady Mágui?

Magnólia – Quero é que feche a janela, antes que eu pule!

Logo em seguida, a perua desmaia diante de todos. Após se recuperar, Severo se dirige aos cobradores e ao fundo Robertão abraça a mãe aos prantos. “Não dá pra mulher se despedir do carro, pelo menos?”, pede o pai de Isis. Um dos cobradores responde: “Infelizmente, estamos com pressa… Hoje ainda temos que apreender três carros, duas lanchas e uma jaguatirica na casa de outro rico que faliu”. Severo: “Então tá, né…”.

Ele custa a soltar as chaves e os documentos do carro quando cobrador vai pegar. “Agora, queira assinar esses papéis”, pede o homem. Logo depois de assinar, Noely abre a porta e eles vão embora. A câmera foca em Magnólia que permanece chorando copiosamente.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação