“Império” bate sua antecessora com folga

Trama assinada por Agnaldo Silva já afastou de uma vez por todas o fantasma de sua antecessora; Em coletiva da trama Lilia Cabral não quis falar sobre o fracasso de "Em Família".

Trama assinada por Agnaldo Silva já afastou de uma vez por todas o fantasma de sua antecessora; Em coletiva da trama Lilia Cabral não quis falar sobre o fracasso de “Em Família”.

Bastidores da emissora carioca já estão em ares mais leves, depois que a principal novela de sua programação conseguiu ultrapassar a média geral e decimal da história contada por Manoel Carlos durante o ano de 2014. Folhetim que leva o peso de ser veiculado no principal horário da rede fez com que todos os executivos da rede respirassem aliviados, mesmo que novela não tenha chegado próxima a sua meta, mas só pelo fato de ter elevado, já é motivo para que barulho de foguetes sejam escutados diariamente vindos do bairro do Jardim Botânico durante a exibição da novela.

Computando os dados de todos os capítulos exibidos (até o dia 06/12), vida de Maria Marta (Lilia Cabral) e José Alfredo (Alexandre Nero) acumulou 31.18 pontos de média decimal, contra 29.67 pontos de média decimal da trama do mestre Manoel Carlos.

Espera-se que Gilberto Braga engorde ainda mais a média final do horário nobre, com a substituta de Agnaldo Silva, “Rio Babilônia” preparada pela emissora para o fim do mês de fevereiro, com prazo final até o começo de março, com o fim do Carnaval 2015.