“Hoje faz 22 anos que ela não pôde viver”, diz Glória Perez ao lembrar morte da filha

Glória Perez teve um domingo (28) melancólico. É nesta data que se completam 22 anos do assassinato da sua filha, Daniella. Pelo Instagram, ela postou uma foto da jovem e deixou uma mensagem bem triste:

“Hoje faz 22 anos: 22 anos que ela não pôde viver!”, escreveu a autora de novelas na legenda. Os seguidores de Glória deram todo o seu apoio à ela, escrevendo palavras de conforto em uma dia tão difícil.

A autora recebeu apoio de vários internautas. “Jamais vou esquecer da Daniela e para sempre serei fã dela como atriz e dançarina e sempre carrego ela no meu <3”, escreveu uma seguidora.

Já outra disse: “mesmo depois de 22 anos ainda não tenho palavras para dizer, somente o silêncio para manifestar meus sentimentos!”. E mais uma internauta postou: “Mesmo depois de 22 anos ainda não tenho palavras para dizer, somente o silêncio para manifestar meus sentimentos!”.

No dia 28 de dezembro de 1992, Daniella Perez foi assassinada pelo também Guilherme de Pádua e sua namorada na época, Paula Thomaz. Morta a tesouradas, ela levou 18 perfurações no pescoço, pulmão e o coração, e seu corpo foi encontrado em um região de floresta na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação