Henri Castelli defende vítima de intolerância religiosa

Henri Castelli ficou revoltado com um descaso que aconteceu recentemente. Isso porque o galã resolveu usar as redes sociais para defender a menina Kailane Campos, de 11 anos, vítima de intolerância religiosa que foi feriada por uma pedra na cabeça.

“Eu me pergunto: pra que isso? Que Deus é esse que está dentro das pessoas que praticam intolerância e preconceito. Nosso Senhor Jesus Cristo nos ensinou a ter amor ao próximo, praticar a verdadeira caridade, ajudar uns aos outros. Por que tanta agressividade? Vamos nos respeitar e nos amar independente da raça, classe social, religião ou opinião política. Espero do fundo do coração que um dia isso acabe e que tenhamos mais amor e paz no coração. Amo todos vocês. E Deus também. O racismo e o preconceito são a prova de que ainda somos primitivos”, escreveu o ator.

No final do post, Henri Castelli usou uma citação de Nelson Mandela. “Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor da sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender. E se podem aprender a odiar, elas podem ser ensinadas a amar”.

(Foto:Divulgação)

(Foto:Divulgação)