Globo será a única grande emissora aberta a “arriscar” em 2015

Há muito tempo não irá se ver um ano tão atípico na televisão brasileira como em 2015. Todas as grandes emissoras, com exceção da Globo, irão apresentar poucas novidades e apostar baixo, tudo isso, para evitar uma grave crise financeira.

Como se sabe, no próximo ano, a tendência é que o mercado publicitário acabe se afastando bastante da televisão, o que deve causar grandes prejuízos financeiros, caso os canais não façam cortes. Ao contrário do que acontece em praticamente todos os anos, ao invés de aumentar as produções, as emissoras irão realizar cortes e tirar várias atrações do ar.

A Globo se viu praticamente obrigada a investir um pouco mais em 2015, já que será o ano do seu cinquentenário, e será a única a “arriscar”. Mesmo assim, a emissora carioca tem na manga, algumas soluções baratas, como séries americanas e a reprise de suas séries e minisséries.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)