Globo não exibe a volta de Anderson Silva ao vivo

Mais um ano a Rede Globo ficará sem os direitos da exibição da luta UFC 183 ao vivo isso porquê a emissora levou mais um “não” da organização do UFC. Após uma longa negociação, fracassaram as tentativas da emissora de transmitir em tempo real a volta de Anderson Silva ao octógono, em luta marcada para 31 de janeiro, contra Nick Diaz.

Por contrato, os direitos de exibição ao vivo do evento pertencem ao canal de pay-per-view Combate, da Globosat. A Globo tem o direito de exibir a luta 30 minutos após o seu término e assim o fará.

Em dezembro de 2013, a emissora tentou, sem sucesso, exibir ao vivo a revanche de Anderson Silva contra Chris Weidman.

Pelo contrato com o UFC, a emissora já havia esgotado a cota de transmissões ao vivo e gravadas de 2013, mas conseguiu negociar mais essa luta. Mesmo assim, exibiu o confronto — que resultou na derrota do brasileiro, vítima de uma grave fratura na perna — com 30 minutos de atraso.

No canal Combate, a volta de Anderson Silva ganhará programação especial no dia 31, a partir das 21h. O canal contará com o reforço do judoca Flávio Canto, que se juntará a equipe de Rhoodes Lima, Karin Duarte, Kyra Gracie, Rodrigo Minotauro e Luciano Andrade.

Procurada, a Globo não comentou o assunto.anderson silva