Globo justifica que não exibiu o jogo dos Santos por “questões contratuais”

No último sábado (11) citamos aqui pelo FanWeb que a Globo abandonou a transmissão da partida válida pelas quartas de finais entre Santos x XV de Piracicaba para colocar um filme da Temperatura Máxima diferente do que foi exibido na programação nacional, e mais longo, preenchendo assim o tempo vazio da grade apenas para os paulistas, revoltando a milhares de torcedores santistas.

Logo, o apresentador do ‘Globo Esporte SP’, Tiago Leifert, abriu um espaço do programa para justificar a versão do canal sobre o acontecido, alegando “questões contratuais”. Apenas a SporTV quem exibiu a partida. “Uma satisfação ao torcedor do Santos. Por causa das manifestações que aconteceram ontem, a rodada do fim de semana foi toda embaralhada. Por contrato, a Globo só poderia passar um dos jogos das quartas de final. E ela optou por passar o jogo de sábado, entre Corinthians e Ponte, que estava marcado para domingo e foi para o sábado. A gente adoraria passar todos os jogos, mas por contrato não poderíamos”, completou Leifert.

Eles entenderam que a partida não iria render tanta audiência e iria ameaçar sua audiência. Logo, se preocuparam apenas com eles e nem um pouco se preocuparam com os torcedores do Santos que esperavam que o canal exibisse a partida que é valida pelas quartas de final. (Imagem: Divulgação/Globo)

Eles entenderam que a partida não iria render tanta audiência e iria ameaçar sua audiência. Logo, se preocuparam apenas com eles e nem um pouco se preocuparam com os torcedores do Santos que esperavam que o canal exibisse a partida que é valida pelas quartas de final.
(Imagem: Divulgação/Globo)