GFK entra em ação em Abril e começa a medir a audiência

gfkA partir de abril, de acordo com o plano traçado, a GFK deve apresentar pequenas amostras de audiência em praças como Rio e São Paulo. É mais para marcar território.

O pra valer será na metade do ano, julho, aí sim com o serviço de aferição em todas as praças, ou 15 mercados, dentro daquilo que o Ibope chama de PNT – Painel Nacional da Televisão.

Já existem, dentro de algumas emissoras, setores encarregados de montar grupos de processamento de dados, que serão necessários para traçar comparativos com aqueles que a GFK irá apresentar.

Em vários segmentos da programação, imutáveis até lá, isto já é possível. A expectativa em todo mercado é muito grande.

O próprio Ibope deve entender como amplamente positiva a chegada da GFK, porque pela primeira vez, de maneira efetiva naquilo que diz respeito a pesquisa de TV,  existirá, enfim, a condição de se comprovar a seriedade e precisão do seu serviço  A concorrência, em todos os níveis, devemos entender sempre como altamente salutar.

 

@Ricco