Fofão se despede da Superliga com título

Fofão se despedia das quadras oficialmente em solo brasileiro, a festa foi toda preparada para ela,  as convidadas de honra da levantadora não podiam faltar. E todas marcaram presença. A primeira a aparecer foi Natália. Com a mão cheia, a ponteira presenteou a homenageada colocando no chão uma infinidade de bolas distribuídas pela anfitriã e fez a diferença no começo da bagunça. Logo depois entrou Fabi com passes com muita precisão como sempre e incríveis defesas. As centrais Carol e Juciely com bloqueios incríveis que mais pareciam um paredão e ataques cirúrgicos. Régis, a mais antiga do grupo preferiu chegar depois, quietinha. Gabi, a caçula das amigas era a mais ousada e trouxe os presentes mais inesperados.

a banda paulista, não tão bem-vida assim até que tentou estragar a festa da campeã olímpica em Pequim em 2008. Rio de Janeiro convidou as visitantes de Osasco a se retirarem mais cedo da Arena da Barra, neste domingo, fecharam o salão com um 3 a 0, parciais de 25/21, 25/23 e 25/19, e festejaram pela décima vez o título da Superliga feminina, na despedida de Fofão.

– Cada segundo, cada minuto. Isso aqui é muita emoção, melhor do que eu planejei, melhor do que eu imaginava. As lágrimas são de felicidade. Disse Fofão, emocionada com sua despedida das quadras. Emocionada, Fofão caiu no sono, depois  disso, as jogadoras subiram no alto pódio para receber as medalhas, a levantadora Fofão teve o privilégio de receber um lindo buquê de flores das mãos da mãe Eurídes de Souza logo depois Fofão recebeu uma placa do presidente da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), Walter Pitombo Laranjeiras, mais conhecido como Toroca. Assim marcou a despedida da campeã  olímpica Fofão.

Fofão vence sua última partida na competição nacional

Fofão vence sua última partida na competição nacional