Famosos não aceitam Dunga como técnico novamente da seleção

dunga_ap

Famosos se revoltam e falando sobre “Dunga” novamene como técnico da seleção brasileira, além disso a maioria dos brasileiros estão revoltados com a escolha e pretendem fazer uma nova manifestação, veja o que os famosos publicaram em suas redes sociais.

Pedro Neschling escreveu um dos textos mais críticos em seu perfil no Instagram, para mostrar sua indignação pela escolha, completamente arbitrária na opinião dele. “Dunga de volta à seleção pelas mãos de Gilmar Rinaldi, Marin e sua corja. O Romário tem razão, é caso de intervenção federal. Um absurdo sem precedentes. A pá de cal. Estão destruindo o esporte que é  paixão nacional. Bando de prepotentes incompetentes. Dizer que torço por (mais) um fracasso retumbante desse grupo é desnecessário. Estou revoltado com essa notícia!”, comentou o ator.

Thiago Rodrigues, que também é fã indiscutível de futebol – e já fez vários elogios a Neymar e outros jogadores da seleção – também manifestou sua raiva pela notícia, que acabou com o domingo do ator, segundo ele escreveu. “Não é pessoal, até acho que como jogador, apesar da tal “era Dunga” que eu achei injusta, ele foi muito importante pra seleção. Como técnico, ele demonstrou soberba, arrogância, raiva e teimosia. Sem contar com sua convocação completamente infeliz pra copa de 2010. Definitivamente, se a CBF queria dar um passo além, ir em busca de novos tempos pra seleção, colocar o Dunga como técnico é uma atitude infeliz e temerária! Depois de tudo que foi conversado na seqüência desse ultimo fiasco, é inacreditável que tenham pensado no Dunga como a alternativa evolutiva pro nosso futebol! Lamentável!”, refletiu.

Marcius Melhem, que acompanhou a Copa de perto, também apontou que a CBF não tem sido bem administrada, o que é ruim para todos os apaixonados por futebol – e todos os brasileiros, consequentemente. Para ele, a volta de Dunga tem “Tudo a ver com a ditatorial presidência da CBF e seu compromisso com o atraso!”. O humorista ainda destacou que os prejudicados são os brasileiros, de modo geral, já que o esporte também poderia estar em outros lugares que não apenas nos estádios. “Perde o esporte, perdemos todos. Pra quem achou que não podia piorar…”, escreveu o ator.