Corinthians e São Paulo Disputam Dudu e Conca

Dois dos destaques do último Brasileiro, o meia Dario Conca, do Fluminense, e o atacante Dudu, que defendeu o Grêmio, viraram alvos de disputa entre São Paulo e Corinthians para a temporada.

Dudu, que tem contrato com o Dínamo de Kiev (Ucrânia), já havia definido salários com o Corinthians e esperava o acerto do clube ucraniano com o paulista.

O clube alvinegro fez oferta de 3,6 milhões de euros (R$ 11,6 milhões), parcelados, por 60% dos direitos do atleta.

Ao saber das dificuldades financeiras do Corinthians para viabilizar a operação –o clube ainda procura um investidor–, o São Paulo resolveu fazer uma proposta oficial. Para ficar com 50% dos direitos do atleta, ofertou 3 milhões de euros.

Dudu é um sonho antigo no Morumbi. Ao menos desde 2012, quando o técnico Ney Franco foi contratado, o nome do atacante aparece nos bastidores do clube.

Corithians e São Paulo Querem Dudu e Conca

Dudu comera Gol /Foto: Divulgação

Dudu comera Gol /Foto: Divulgação

O São Paulo está conversando diariamente com os representantes do jogador, tentando convencê-los de que o Morumbi é o melhor lugar para ele mostrar seu futebol.

A ideia é que Dudu ocupe o lugar de Kaká no time. Apesar de o discurso da comissão técnica e diretoria ser o de que o substituto será Michel Bastos, o clube se movimenta para ter no elenco uma alternativa, já que vai disputar vários campeonatos no ano.

Além do mais, se evitar que ele vá para o Corinthians, enfraquece o maior rival, talvez, um adversário direto na fase de grupos da Libertadores.

CONCA

O Corinthians tenta há dias fechar com Conca, mas não é o único a tentar a contratação do argentino. São Paulo e Flamengo conversam com a Unimed para saber a intenção da ex-parceira do Fluminense, que paga o salário do meia.

O Corinthians está mais próximo do presidente da Unimed, Celso Barros, mas esbarra na falta de dinheiro.

O Fluminense criticou a iniciativa do Corinthians de procurar a Unimed. “Uma proposta enviada ao ex-patrocinador do clube, com todo respeito, é nula, inválida ou o que você quiser dizer”, afirmou o vice-presidente de futebol, Mário Bittencourt, em entrevista à rádio Globo.

Foto: Reprodução