Celebridades perdem seguidores após Instagram excluir conta falsas

Nesta quinta-feira, 18 de dezembro, o Instagram acabou deletando milhões de contas falsas. Muitos dos perfis eram criados automaticamente, para inflar o número de seguidores.

Segundo o levantamento do site 64px.com, a média entre as principais cem contas mundialmente no Instagram perderam uma média de 7,7% de sua base de fãs (ou 672 mil deles).

A consequência disso foi uma série de blogueiras de moda e fitness e webcelebridades revoltadas com a perda considerável no número de seguidores. Isso porque, quanto maior o número de seguidores na rede social, maior o poder de negociação com as marcas anunciadas por elas.

Diante desse cenário, quem perdeu mesmo maior número de adeptos foi a própria empresa; encolheu de 64 milhões para 45 milhões, segunda uma lista compilada pelo site. Neymar, por exemplo, perdeu cerca de 300 mil seguidores, número próximo do de Cristiano Ronaldo.

A blogueira de moda Camila Coelho, que foi alçada ao posto de garota-propagada de várias marcas por sua popularidade, também perdeu cerca de 100 mil seguidores, mas continua com a marca invejável de 2,3 milhões de fãs.

Neymar perdeu 300 mil seguidores

Neymar perdeu 300 mil seguidores